Acompanhe aqui os fatos mais relevantes sobre a área de recursos humanos em saúde.

Oficina Trabalho e Educação em Saúde: 30 anos do SUS e perspectivas
Data: 7/5/2018

Nos dias 3 e 4 de maio de 2018, pesquisadores, especialistas e gestores participaram, em Brasília, da Oficina "Trabalho e Educação em Saúde: 30 anos do SUS e perspectivas "

O evento contou com os painéis de debate " Sistemas de Saúde Universais, Trabalho e Educação na saúde: agenda 2030"; "Trabalho e Educação na Saúde: acúmulos, desafios e perspectivas", e "Inovações na Gestão do Trabalho e na Educação em Saúde no Brasil: o feito e o por fazer". No último dia, foi realizada uma plenária de sínteses e construção de consensos.

Os Professores e pesquisadores do IMS/UERJ e ObservaRH-IMS/UERJ Mario Dal Poz, Celia Pierantoni (coordenadora do ObservaRH-IMS/UERJ) e Tania França participaram da Oficina , que contou com: Monica Padilla (OPAS), Isabela Cardoso (ISC/OAPS), Renato Tasca (OPAS), Tania Celeste Nunes (Fiocruz), Naomar de Almeida Filho (ISC/UFBA), Márcia Teixeira (ENSP/Fiocruz), Maria Helena Machado (ENSP/Fiocruz), Francisco Eduardo Campos (Fiocruz) e Humberto Fonseca (Secretário de Saúde do DF).

As discussões promovidas sobre Trabalho e Educação na saúde na oficina tiveram como foco cinco questões norteadoras e cinco dimensões analíticas –política; econômica, dialógica, gestora e internacional ou global. Para Isabela Cardoso, o encontro possibilitou a reaglutinação de forças em defesa do SUS e do sistema universal de saúde – “O convite da Opas para organizar essa oficina foi importante em várias dimensões. Terminamos com o objetivo que levou à realização desse evento plenamente alcançado na medida em que reunimos especialistas, pessoas com grandes contribuições na área, sujeitos inseridos em diferentes lugares, com diferentes experiências e de diferentes gerações. Ao mesmo tempo em que discutíamos todos os movimentos e avanços da nossa área ao longo desses 30 anos do SUS, identificamos lacunas e os novos desafios diante da complexidade dessa conjuntura”.

No evento, foi definido um conjunto de ações que precisam ser empreendidas na área de Trabalho e Educação na Saúde, entre elas a realização do segundo Simpósio Internacional sobre Trabalho e Educação da Abrasco – Associação Brasileira de Saúde Coletiva durante o pré-congresso do 12º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva – Abrascão 2018, no Rio de Janeiro.

Leia o Termo de Referência que embasou a proposta da Oficina, elaborado pelas pesquisadoras Isabela Cardoso e Tania Celeste Nunes: https://bit.ly/2rqJHAZ

Fonte: Observatório de Análise Política em Saúde

Veja as fotos:

   /    /

 

   /    /

   /    /
 



Dois Cursos de Verão do Instituto de Medicina Social com inscrições abertas Veja detalhes e inscreva-se... https://t.co/DsEfUkgvd8
O Centro Brasil de Saúde Global convida para a sessão intitulada: Impacto das Mudanças Climáticas na Saúde Global.… https://t.co/iUu0AxlOiq
Todos os direitos reservados © ObservaRH-IMS/UERJ - 2013